Insira seu email abaixo e receba conteúdos, ferramentas e dicas exclusivas sobre empreendedorismo e negócios!










Muitas pessoas tem medo de começar um negócio por achar muito arriscado. Realmente, é tão arriscado quanto depender somente do seu emprego.

Entretanto, se você é uma pessoa que sempre quis melhorar sua qualidade de vida, independência financeira e começar um negócio, é interessante olhar estes riscos de outra maneira.

Para você que quer se tornar um Futuro Empreendedor, separei aqui que os 10 maiores riscos que você enfrentará ao começar um negócio pela primeira vez.

1º risco – Ganhar proporcionalmente à quantidade e à qualidade do seu trabalho

Enquanto em um emprego você está limitando o seu salário, ao iniciar um negócio os seus ganhos podem ser ilimitados. Porém, precisamos fazer uma diferenciação de quantidade e qualidade:

  • Quantidade: diz respeito ao quanto de energia e tempo que você despende trabalhando no seu negócio;
  • Qualidade: ao contrário de perfeccionismo, é produzir um produto ou serviço que o mercado valoriza, quando este realmente soluciona algum problema ou dor que ele possua.

Portanto, se você possui muita quantidade e pouca qualidade, você irá à falência.

Entretanto, caso alcance tanto uma boa quantidade quanto uma boa qualidade, o sucesso será inevitável.

2º risco – Se tornar mais independente e confiante com as suas próprias escolhas

Existem pessoas que são um tanto indecisas, sempre buscam a aprovação dos outros, ou até gostam apenas de seguir ordens.

Entretanto, para iniciar um negócio, você precisa tomar uma grande decisão logo de cara: dedicar tempo, energia, saúde e até um pouco de dinheiro para começar a empreender.

Conforme você for trabalhando, se empenhando, algumas coisas dão certo e te levarão para frente e, em alguns momentos, você comete alguns erros.

Porém, se você não desistir, os erros servirão de aprendizado, também te levando para frente. Ou seja, não existe decisão errada, só há decisões não tomadas ou ficar parado.

3º risco – Ser reconhecido por pessoas que você nunca viu na vida

À partir do momento em que começar um negócio e colocar suas habilidades à disposição de outras pessoas através do seu trabalho, forma-se uma corrente de comunicação e de reconhecimento composta de pessoas que você nunca teve contato na vida.

Ao contrário do que muitos temem de serem criticados ou ridicularizados se expondo ao começar um negócio, o oposto é a maior verdade.

Caso sua dedicação gere algo de qualidade, as pessoas aprovam e valorizam seu trabalho, sendo reconhecido muito mais positivamente do que negativamente.

4º risco – Fazer os teus próprios horários e rotinas

Você é o seu próprio chefe agora, não tem mais horário para chegar nem horário para sair.

Isso é algo caso você seja responsável e disciplinado, mas pode ser ruim se achar que agora pode viver de pijama e tudo cairá do céu. É sua obrigação saber lidar com isso e educar os outros à sua volta.

Ninguém ficará te cobrando quantidade de horas nem ter que bater o cartão na sua empresa. Entretanto, lembre-se o que foi dito sobre quantidade e qualidade. Você comanda a sua própria rotina e horários da melhor forma para fazer tudo acontecer.

5º risco – Trabalhar com quem você quiser

De fato, você pode convidar seus familiares e amigos para trabalharem no seu negócio.

Isso pode ser algo bom e para todos e para o negócio, como também pode dar algumas coisas erradas. Não há certo ou errado quanto esta questão, e este é o risco que você corre por ser dono do seu próprio negócio.

Você escolherá as pessoas que estarão ao seu lado no dia-a-dia, trabalhando, crescendo e criando coisas novas.

6º risco – Trabalhar de onde você quiser

Você pode escolher onde você vai implantar a sua empresa. Mesmo que você abra uma pequena indústria e tenha que se estabelecer em um bairro mais remoto, com aluguéis mais baratos, em algum momento você pode transferir seu escritório para algum outro lugar.

Caso você inicie um negócio digital, você poderá trabalhar da sua casa, da praia ou qualquer outro país do mundo. A responsabilidade e os riscos são seus por poder escolher onde de onde você irá trabalhar.

7º risco – Ter que falar mais não do que “sim, senhor”

Logo no início do seu negócio, você terá que focar nas tarefas e projetos mais prioritários.

As pessoas começarão a te reconhecer como um empreendedor, uma pessoa de atitude, de ações e passarão a te oferecer muitas “ideias infalíveis“, novas oportunidades, novos produtos e serviços que podem ser revendidos, marketing multinível, uma franquia barata e lucrativa, etc.

Se você falar ‘sim’ para tudo o que colocarem na sua frente, você não focará no seu negócio e ele nunca irá decolar, te fazendo ficar girando em uma roda gigante sem sair do lugar.

É preciso falar não, focar no seu negócio e fazer as atividades que precisam ser feitas para colher os frutos no curto prazo.

8º risco – Ver na prática o impacto do seu trabalho nas pessoas e no mundo

Muitas vezes, quando somos empregados de uma empresa, não conseguimos ver o resultado que nossas atividades causam na ponta final, lá na rua, nas pessoas e na sociedade.

Entretanto, quando se está no comando do seu próprio negócio, você está frente a frente com seu cliente, solucionando um problema do seu mercado, negociando com outros integrantes e criando coisas novas.

Dessa forma, fica explícito aos olhos a transformação e os benefícios que você leva para as pessoas e ao mundo, sendo uma dos fatores mais gratificantes que existem no empreendedorismo.

9º risco – Parar de esperar pela sexta-feira e ficar feliz que já é segunda-feira

Em outras palavras, é poder trabalhar com o que você ama!

Quando você gosta de algo que faz, você para de contar o tempo, começa aproveitar cada minuto e fazer hora extra sem perceber.

Aliás, não há dúvidas que muitos dos empreendedores trabalham mais do que pessoas empregadas e ainda são mais realizados. Que risco horrível esse, não?

10º risco – Conseguir a vida que você tanto quis ao começar um negócio

Como diz o ditado: “cuidado com o que você deseja, você pode receber”.

Quando você começa um negócio próprio da forma correta, trabalha duro dia após dia, se dedicando de forma séria e consistente, eventualmente você conseguirá a vida que você tanto sonha.

.

Portanto, se você era uma das pessoas que tinha medo de começar um negócio por achar muito arriscado, pode agora olhar por esse ângulo e ver quantos ricos bons você está perdendo por não fazê-lo.

Se você está decidido em se tornar um Futuro Empreendedor, está mais que na hora de começar AQUI, e hoje mesmo, a dar os primeiros passos na direção correta.