Insira seu email abaixo e receba conteúdos, ferramentas e dicas exclusivas sobre empreendedorismo e negócios!










Empreender com pouco dinheiro é o sonho da maioria dos empreendedores, ainda mais se isso o permitir trabalhar com sua paixão. Confira algumas dicas que podem te ajudar a chegar lá.

A maioria dos empreendedores tem o sonho de empreender com pouco dinheiro. Você se lembra de acordar antes de amanhecer para pular em um lago do alto de um penhasco? A parte mais difícil foi o momento antes de você pular, quando sabia que a água estava gelada, mas ainda não confiava se iria se acostumar ou iria bater em algo lá embaixo. 

Para futuros empreendedores que desejam seguir sua paixão, mas não deram o salto, os medos em iniciar um novo negócio podem parecer como olhar para aquela água gelada e fria. Novos empreendedores não confiam em suas próprias competências e, portanto, não estão certos se tomaram a decisão certa. Tal excitação é normal, mas você tem que aprender como superá-la.

  • Como identificar suas paixões

Benjamin Disraeli, primeiro ministro britânico do século XIX, disse uma vez: “O homem só é ótimo quando age por paixão”. Para o aspirante a empreendedor de hoje, explorar as avenidas da criatividade para encontrar sua paixão é provavelmente o caminho mais rápido para aumentar suas chances de iniciar um negócio de sucesso. Por onde começar? Aqui vão cinco etapas para ajudá-lo a descobrir sua paixão:

  1. Revisite sua infância. O que você amava fazer?

É impressionante como nos desconectamos das coisas que nos trouxeram mais alegria em favor do que é prático. Então, faça uma lista de todas as coisas que você se lembra de gostar quando era criança.

Revisite algumas das atividades positivas, comidas e eventos da sua infância e se pergunte faça essas perguntas:

Como isso pode ser refletido nas coisas que ainda gosto hoje?

Como essas experiências passadas moldaram minhas escolhas de carreira?

O que eu posso fazer para trazer de volta alguma delas para minha vida?

2. Faça um “quadro criativo”

Comece pegando uma grande cartolina, coloque as palavras “Novos Negócios” no centro e crie uma colagem de imagens, provérbios, artigos, poemas e outras inspirações. A idéia por trás disso é que, quando você se cercar de imagens de sua intenção, quem você quer se tornar ou o que deseja criar, sua consciência e paixão crescerão. 

À medida que seu quadro evolui e se torna mais focado, você começará a reconhecer o que está faltando e a imaginar maneiras de preencher as lacunas e realizar sua visão.

3. Faça uma lista das pessoas que estão onde você quer estar.

Você não precisa reinventar a roda. Estude as pessoas que são bem sucedidas na área que você quer seguir. Por exemplo, durante um recesso, muitas pessoas evitam de investir, porque eles pensam que seria um beco sem saída. Na verdade, essa é a hora perfeita para entrar, quando a maioria dos outros está se recuperando, pois não importa o negócio, há pessoas que são bem-sucedidas. 

Estude-os, descubra como e porquê eles conseguem manter o sucesso quando todo o resto está falhando e, em seguida, crie estruturas para seguir seus exemplos. Se você quiser ser criativo, crie um plano rigoroso e sério. Não é o plano que é criativo; é o processo pelo qual você passa que te abre muitas possibilidades.

4. Comece a fazer o que você ama, mesmo sem um plano de negócios

Muitas pessoas esperam até que elas tenham um extenso plano de negócios, junto com os anjos investidores que querem gastar dinheiro com eles, e suas idéias nunca veem a luz do dia. Faça o que você gosta, mesmo que ainda não tenha descoberto como monetizar isso. Teste como pode ser trabalhar em uma área pela qual você é apaixonado, construa sua rede de contatos e peça feedbacks que o ajudará a desenvolver e refinar um plano de negócios. 

É uma maneira de mostrar não apenas o valor que você traria, mas também pode obter depoimentos que ajudarão a alavancar sua empresa quando estiver pronto para oficializá-la. Talvez o mais importante, no entanto, seja afastá-lo da paralisia e do medo. A alegria de ver a diferença que sua contribuição faz, irá alimentar sua criatividade. 

5. Faça uma pausa nos pensamentos de negócios

Embora possa parecer desconfortável sair do modo comercial, a mente às vezes precisa descansar desse pensamento. Talvez para você a melhor forma de se distrair seja escrita criativa, pintura, corrida ou até jardinagem. 

Depois de tirar férias mentais com algo pelo qual você é apaixonado, volte a um diário e anote todas as ideias de negócios que lhe vierem à mente. Você ficará surpreso com a atualização de suas idéias. Olhar coisas bonitas, arte e natureza, cria conexões que muitas vezes deixamos de notar. Faça suas observações, as deixe por escrito e as utilize.

  • Como empreender com pouco dinheiro

Na maior parte dos casos, o que as pessoas mais falam é sobre falta de dinheiro. O que mais digo quanto a isso é que não existe negócio que você comece com nenhum investimento. O que você paga é o que você recebe. Por menor que seja a quantia, algum dinheiro você sempre vai precisar colocar. Porém, como empreender com pouco dinheiro? Para aqueles que querem começar sem investir muito, aqui vão sete dicas para te ajudar:

  1. Faça você mesmo

Muita gente evita começar, porque tem medo de colocar a mão na massa e fazer as coisas por conta própria. É interessante você mesmo experimentar fazer o que seu negócio se propõe a fazer, isso te torna um empreendedor até mais completo. No começo, priorize as coisas mais importantes e faça por você mesmo, independente de ser difícil ou não.

2. Faça um marketing inteligente

Você precisa conhecer o seu negócio, antes de querer divulgá-lo. Não gaste dinheiro com grandes mídias logo no começo. Muitas vezes você acaba gastando dinheiro, sem nem mesmo conseguir atingir o seu público alvo. Dê preferências para as mídias digitais e comece a fazer um pouco de marketing de conteúdo. Não importa o ramo da sua empresa, o mercado já está saturado e quer conhecer outras propostas. 

Quando você cria qualquer forma de conteúdo, dentro do seu segmento, você pode atrair novas pessoas que se identificam com o que está falando. Você pode tentar escrever artigos para revistas sobre o assunto do seu negócio, se oferecendo para ser consultor dos jornalistas. Tente educar o seu público.

3. Faça permutas

Prestar serviços a base de troca, te permite ter novos parceiros, te faz economizar tempo e te coloca em um outro posicionamento dentro do mercado. Seus fornecedores podem ser ótimas opções para você fazer permutas. Você pode ter conhecimentos e contato com pessoas que podem ajudar o outro lado da negociação, assim como eles podem te ajudar. Dessa forma todo mundo ganha.

Você atrai muito mais gente em volta da sua empresa, quando você explica para elas sobre o porquê de você estar fazendo o que faz e não sobre o seu produto em si. Quando você conta o que quer transformar no mundo e a razão da existência do seu negócio, as pessoas te ouvem muito mais e querem te ajudar.

4. Contrate um bom contador e de confiança

O contador facilita muito a sua vida quando ele é bom, para fazer a contabilidade de sua empresa. Porém, é necessário que seja uma pessoa de confiança, assim você tem certeza que seu dinheiro está realmente indo para o pagamento de seus impostos, por exemplo.

5. Terceirizar as funções estratégicas

Anote todas as atividades que você tem para fazer e para cada uma delas você coloca um função, ou seja, de marketing, operacional, etc. Feito isso, você tem o funcionograma da sua empresa. Veja as funções que você domina e pegue para fazer por si mesmo. As que você menos domina, você terceiriza. 

Assim você começa a contratar terceiros para trabalhar para você, você escolhe as funções nas quais tem menos competência e passa adiante. Dessa forma, você ganha mais tempo e consegue um serviço de maior qualidade.

6. Contrate alguém

Quando você precisa que essas funções sejam feitas de forma recorrente, você pode contratar estagiários ou menores aprendizes. Assim, vai ter alguém que você mesmo vai ensinar e pode pagar um valor mais acessível por esse serviço.

7. Networking

Ter um networking diferenciado pode reduzir seus gastos de início. Quando você faz um networking inteligente, ou seja, com pessoas fora da sua área de atuação, elas podem complementar as funções que você já faz em sua empresa. É importante ter alguém que pense diferente de você do seu lado. 

O networking inteligente te rende bastante resultado. Coloque na agenda, uma vez por semana você sai para conversar com alguém sobre negócios, algo simples de fazer que pode te proporcionar ótimos resultados.

Essas são dicas válidas para quem tem vontade de investir em sua paixão e abrir um negócio com pouco dinheiro. Seguir esses toques, além de estudar e estruturar bem o seu negócio, pode te fazer economizar bastante. 

Tem vontade de empreender com pouco dinheiro? A Academia de Novos Negócios é um programa online para criar um negócio baseado nas suas paixões, que se encaixa e impulsiona sua vida como um todo. Adquira sua independência financeira e liberdade de vida, comece já!