Insira seu email abaixo e receba conteúdos, ferramentas e dicas exclusivas sobre empreendedorismo e negócios!










A notória diminuição dos empregos, o empreendedorismo tornado opção cada vez mais real para que as pessoas sustentem sua vida e construam seus sonhos, além de tantos outros motivos, têm feito que muitos me enviem mensagens com a seguinte pergunta: “Como começar um negócio?”; já outras mensagens trazem a questão: “Como abrir uma empresa?”.

“Mas ué.. esses dois conceitos não seriam iguais?”, perguntaria um de meus amigos.

– “O correto seria abrir um negócio ou começar uma empresa?”, perguntariam outros.

Bem… meu ramo não é fonética, não é mesmo? Trava-línguas não é para este espaço. Nessa mensagem, você vai descobrir qual é a diferença entre um negócio e uma empresa. Vai ver também como começar um negócio. E com apoio de outros empreendedores iguais a você

Vamos lá:

Diferença Entre Negócio e Empresa

Você já sabe que está na Realização Empreendedora, plataforma para você criar seus negócios e fazer crescer suas empresas. Aqui, você tira suas dúvidas, discute suas ideias e o mais legal: você tem uma fonte de inspiração.

E, com toda certeza e definitivamente, negócios e empresas não são a mesma coisa. A própria etimologia determina uma grande diferença que, afinal, foi sendo esquecida ao longo de tantas discussões sobre empreendedorismo.

  • Negócios são acertos comerciais entre pessoas físicas; vem da palavra negociação.

Por exemplo, eu posso oferecer aqui um produto, você se interessa por ele e aceita meu preço – ou a gente conversa e chega a um consenso. Você me compensa de alguma forma, com dinheiro, com outro produto ou ainda um serviço.

Perceba que a gente pode fazer isso de maneira informal, sem interferência de averiguação fiscal, sem registro, sem obrigações. É apenas uma pequena transação comercial.

E digamos que esse tipo de atividade ganhe corpo, tome vulto em meu dia a dia. Nesse caso, vou precisar evoluir para outro status em termos jurídicos. É então que a coisa deve se transformar em…

  • Empresa, que é uma instituição registrada, formada por pessoas para executar negociações do modo formal.

É importante notar que a maioria dos empreendedores que já tirou a ideia do papel se preocupa primeiro com essa situação – criação de empresa: CNPJ, cartão de visitas, site etc. Isso pode ser muito perigoso.

Uma empresa é representada por CNPJ (no restante dos países, um simples registro que confirme o caráter de pessoa jurídica de uma entidade). É um organismo independente, com suas obrigações paralelas legais e fiscais. E então eu me dou o trabalho de filosofar aqui: “nem todo negócio é uma empresa, mas todas as empresas são negócios”.

Teste sua Ideia Antes de Transformá-la em Empresa

Faça negócios antes de fazer uma empresa.

É essencialmente importante que uma empresa seja testada antes de ser aberta. Você não pode correr o risco de atuar na complexidade burocrática sem conhecer o mínimo de eficácia de seu produto ou serviço.

Eu asseguro a você que é possível criar um pré-negócio, um ambiente, que vai simular o alcance de seu produto ou serviço em pequena escala, com todos os elementos, processos e questões com que você vai lidar no futuro, quando a empresa já estiver aberta, quando ela estiver no mercado, registrada e com obrigações legais.

Tudo isso é para evitar a seguinte situação:

  1. Você inicia uma empresa logo de cara, sem simular futuro
  2. Você descobre que o negócio dela não é viável
  3. Você tem sérios problemas

Eu vejo muitas pessoas se complicando financeira e legalmente, com dificuldade de honrar seu nome no mercado financeiro. Isso complica muito a vida do empreendedor e de sua família inteira. É resultado de não terem testado antes, não terem criado aquele ambiente de que falei acima, não fizeram pequenas transações para averiguar, confirmar se a empresa teria sucesso, se seria lucrativa e viável no mundo formal.

Bem, a Academia de Novos Negócios e seu curso para empreendedores da Realização Empreendedora foram criados exatamente para isso: para você criar um negócio e validar todos os elementos para que, no fim do curso, você saia com uma empresa aberta e lucrativa.

Escreva para mim. Vai ser muito bom compreender, assimilar sua experiência (ou falta dela) e reverter em atitudes e ações. Estou plenamente seguro de que consigo isso juntamente com você. Use nossos links e entre em contato.

Vejo você na próxima mensagem.

Um forte abraço!